The Surf Community, New Old School – “Surf, Climbing, Nature and Sustainability are our main goals in this project. Join us in our adventures and discoveries!

Este é o lema de uma escola de surf e escalada, que nasce em 2016, baseada em princípios intemporais como é o da responsabilidade ambiental. Aceitámos o desafio destes amigos e passámos uma exigente tarde de escalada.

 A escalada proposta pela Surf Community tem as saliências naturais das rochas como únicos apoio para a subida. É um desporto exigente, mas fascinante, onde o controlo físico e mental são fundamentais.

 Utilizámos para a nossa primeira aula diversos equipamentos:

Arnês (ou baudrier), uma espécie de cinto que amarra o corpo do escalador à corda, para que fiquem bem presos

Pés de gato, uns sapatos firmes e ajustados ao pé, importantes para a aderência. Deves calçar cerca de dois números abaixo do tamanho de calçado normal

Magnésio, para evitar a humidade das mãos e facilitar a aderência às paredes

Saco de magnésio à cintura, para transportar o magnésio, para poder ser usado durante a subida

Mosquetão, que tem função de elo de ligação e segurança

Corda dinâmica, que são elásticas para absorver qualquer impacto.

Neste dia, escalámos uma via nível 4+ que já é considerada difícil, por não ter degraus definidos na rocha. No entanto, os níveis podem ascender até ao 9. Escalámos em top rope, técnica em que a escalada se faz em suspensão, com a ajuda do professor não havendo perigos de queda.

O top rope é o estilo de escalada mais utilizado para aprendizagem ou para estudo de uma via.

Conseguimos escalar até ao topo em cerca de 20-25 minutos. A dificuldade que reconhecemos foi principalmente a de não conhecermos a via que estávamos a escalar, pois escalámos novamente a mesma via, e demorámos menos tempo.

É fundamental manter a calma na subida, pois o stress acaba por deixar os músculos contraídos e a agilidade piora. Com calma, respirando corretamente e distribuindo a força não só pelos membros superiores mas também inferiores, conseguimos chegar ao topo. Lá em cima conseguimos admirar uma vista incrível.

Agradecimentos: The Surf Community

by umapranchaparadois